sexta-feira, 26 de junho de 2009

Há 6 meses... (parte 1)

Olhando para este blog, verifico que a história do nascimento não foi contada. Pois cá vai...

Dia de Natal fomos almoçar e jantar com os avós maternos. Pelo meio ainda fomos fazer um passei e da Joana nem sinal.

Após o Jantar viemos para casa e a mamã foi para a cama. Já era tarde e ela estava cansada. Eram cerca das 23 horas. O pai aproveitou para fazer o desporto favorito dele: "Maplar (Não sei a melhor maneira de escrever esta palavra uma vez que não existe mas caso existisse derivava da palavra sofá)"

Tinha começado à pouco o filme " O código de Da Vinci" e como no dia seguinte estava de férias estava a pensar ver o filme para depois ir para a cama.

Por volta da uma da manhã a mãe iniciou, como fazia normalmente, as suas viagens ao WC. Estranhei que uma hora depois estivesse a ir novamente, pois as suas viagens durante a noite eram normalmente de duas em duas horas. Ao sair da casa de banho virou-se para mim e disse-me que qualquer coisa não estava bem e que devia estar na altura de ir para o Hospital.

- Epá, faltavam 30 minutos para o filme acabar (já o tinha visto umas 3 vezes ), por isso quem já esperou 9 meses, também esperava mais 30 minutos. (RESUMINDO : tinha 30 minutos para me mentalizar que ia ser pai!!!!!!!!!!!!!!!!)

Pedi-lhe para ir para o quarto contar as contracções e finalmente quando o filme acabou fui ter com ela: Estava a ter contracções de 10 em 10 minutos.

Foi pegar nas coisas e ir para o Hospital... Relativamente calmos pois pensava que estávamos bem preparados para a coisa...

Pelo meio ainda tive tempo para tirar uma fotografia.



Chegamos ao hospital entre as 3h10 e as 3h15, pelo meio o GPS que me iria conduzir ao hospital ficou sem bateria, mas a mamã conseguiu orientar-me. Viagem rápida e sem percalços.

No hospital como a mamã tinha o cartão do cidadão, aquele fantástico que tem tudo, teve de dar os dados todos pois eles não tinham o chip para ler a informação. Coisas normais em paises de 3º mundo como o nosso. Ela cheia de dores e a ter de dar todos os dados, nome, morada, etc, etc, etc...

Entrou para observação e lá fiquei na sala de espera (PAI SOFRE). Felizmente estava a dar um filme que só tinha visto umas 10 vezes sobre uns tipos que se dedicavam a dar saltos em queda livre. O problema era que sempre que a senhora da limpeza ligava o aspirador a imagem tremia...


(continua)

2 comentários:

CRISTIANA disse...

HEHEHEHEHEHEHE....

Epá...estou práqui a gargalhar!
E isto tudo com a Irina a sofrer? Incrível a visão dos homens sobre este momento tão especial!
É assim mesmo Toni...

Quero saber o resto! loool

:)))

Beijos prós 3
Cris

P.S - Finalmente entrei de férias...acho que vou finalmente poder conhecer a Joaninha...estejam atentos ao telefone...hehehehehe

Giso disse...

Entao o resto da historia? Ja' la' vao 15 dias...